Tuesday, February 18, 2014

[Reviews] Nashville – 2.13 It's All Wrong but It's All Right


Siga seus instintos e sofra as consequências

 

Contém Spoilers!

 

 

Ser o pivô da separação de um casal adorado causou escândalos e prejuízos para a imagem de Juliette nos últimos episódios. Neste, afundou sua carreira. Demitida por sua gravadora e preterida por outras, provavelmente a cantora  até então a mais rentável do momento só será aceita nas ruas em troca de trocados. Exagero? Talvez, mas é assim que Nashville lida com o estardalhaço feito com a carreira da musa teen.

Correndo por fora, Rayna colhe os frutos de sua ousadia sempre tendo como ajuda um namorado famoso ou empresário bem relacionado. Esbanjando charme por onde passa, sempre consegue que alguém mude de idéia e a apóie. Seu novo Cd promete ser sucesso e sua rixa com Juliette, já deu tudo o que tinha que dar na temporada passada. Seus comentários sobre a ex-rival perderam um pouco o sentido nesta temporada e seu pouco apoio a avalanche de criticas sofrida por Juliette, mostra um lado mesquinho que não combina com a posição de santa que a série lhe atribui. Testemunhando o sepultamento da carreira da ex-rival, seu único comentário positivo foi parabenizá-la por sua coragem em enfrentar Jeff. E a não aceitação em utilizar o espaço de publicidade que antes era de Juliette, foi mais pelo olhar de reprovação de Maddie e pelo comentário de Jeff, do que por seus princípios.

Scarlett revelando seu lado sombrio motivada pela parceria com Liam foi a surpresa deste episódio. Os compridos ingeridos pela personagem prometem ser a novidade para seu novo caminho. A parceria com alguém provocador como Liam, talvez mostre um novo lado da personagem que perdida em seu rumo, torna-se cada vez mais uma incógnita.

Outra reviravolta foi o arrependimento de Tandy e o argumento legal utilizado por seus advogados para livrar tanto ela quanto o pai de sérias acusações. A volta de Lamar à ativa e a sua sede de vingança, talvez agitem o lado político de Nashville.

Layla, introduzida como a garota sem escrúpulos fazendo tudo em busca de fama rápida, mostrou aqui seu lado mais humano. Assim como Juliette na temporada passada, a nova musa quer também ser respeitada e acredita que ao se tornar compositora alcance este objetivo. Um pouco rápido para este dilema, visto que nem Cd ela ainda possui, mas esta foi a fórmula encontrada para humanizar a personagem expondo seus conflitos e seus temores.

O ponto alto deste episódio foi a apresentação de Juliette no Opry. Sabendo das consequências de sua rebeldia, não titubeou e deu o troco à gravadora em forma de protesto musical. O que sabemos é que está sem gravadora, sem contratos, shows cancelados e a promessa de um recomeço. Para não deixarem a personagem ainda mais na lama, finalmente desencantaram seu romance com Avery. Alguma coisa tem que dar certo para Juliette Barnes.
Share:

Disqus for O Mundo das Séries

BTemplates.com

Labels