Friday, October 18, 2013

[Reviews] The Middle - 5.03: The Potato


A humilhação nossa de cada dia

Contém Spoilers!

Tudo volta ao normal na vida da família Heck em “The Potato”. Sem choradeiras, sem o assunto batido do momento “meu filho está longe de casa e não liga pra mim”, Axl de cuecas no sofá, Sue sendo otimista, Brick sendo Brick, a nova diretora reclamando de Brick, Mike e Frankie sendo chamados para uma conversa na escola, toda a família passando por constrangimento. Mudanças não estavam previstas, como tudo continua igual?

A humilhação pública no sermão da igreja, já nos indica que o cotidiano da família voltou ao normal e no começo do episódio, vimos a devolução forçada da van da igreja que está em posse da família desde a última temporada. Sacanear a igreja em beneficio próprio é sem dúvida, uma atitude típica desta família que na maioria das vezes é sem escrúpulos, sem vergonha, sem limites.

The Middle consegue fazer o mesmo de sempre ainda ser interessante. Quem não gostaria de ter 10% do otimismo de Sue? Com certeza a vida seria muito mais leve, se ao nos depararmos com um obstáculo usássemos o mesmo como objeto de motivação. Assim é Sue e mais uma vez ela nos dá um tapa na cara com seu olhar diferenciado da vida. Ela quer um carro e fica exultante quando se dá conta que para consegui-lo basta começar a trabalhar. Simples assim. Quem é capaz de nos fazer rir enquanto chora no seu primeiro dia de trabalho? Sue. Quem acredita que depois de um dia desastroso, tudo pode melhorar? Sue.

Enquanto Sue continua nos brindando com seu otimismo, Axl faz visitas frequentes a seu antigo lar. Se no último episódio vimos Frankie e Mike saudosos de Axl, aqui eles praticamente expulsam o filho de casa. Axl carente, rejeitado e passando por dificuldades foi o diferencial. Seu novo colega de quarto não caiu no charme do “Ax-Man” e vê-lo descrevendo este colega para a família, foi sensacional. Axl deu um show. Mesclaram-se aqui cenas dele na faculdade e na casa dos pais, talvez seja essa a tendência nos próximos episódios.

Quanto a Brick, a escola muda e seus problemas também.  Mike e Frankie sempre foram pais preguiçosos e nem se esforçam muito para mudarem essa imagem. As conversas com os professores de Brick sempre foram constrangedoras para eles e divertidíssimas para nós. Dessa vez ao acreditarem que foram chamados por engano, descontam anos de constrangimento na “desavisada” diretora. Claro que eles não têm razão e provavelmente essa diretora aparecerá outras vezes na série.

Acredito que este tenha sido o melhor episódio da temporada, como se tudo voltasse aos eixos. No entanto, ainda sinto falta do cotidiano de Frankie em seu novo emprego. Quando era vendedora de automóveis esse tema era mais abordado, afinal ela é uma mãe estressada, justamente por ter que dar conta de tudo: casa, família, trabalho. Aos poucos tudo vai voltando à desordem de sempre, para a nossa diversão.

Share:

Disqus for O Mundo das Séries

BTemplates.com

Labels

Blog Archive