Sunday, September 22, 2013

[Primeiras Impressões] Brooklyn Nine Nine


Parks and Recreation versão Loucademia de Policia.

A maré não está boa para as comédias nessa Fall Season. O que não é fraco demais é uma versão de outra série que já conhecemos, só que não tão boa assim. É, se você apostou que se apaixonaria por pelo menos uma comédia, pode ir preparando o coração para um drama, sinto dizer que até agora nada, absolutamente nada está pelo menos remotamente perto de justificar um amor.

Brooklyn Nine Nine é tipo Parks and Recreation, o mesmo estilo, a mesma pegada e o mesmo ar de Parks. Mas com o Andy Samberg no lugar da Amy Poehler. O que não é tão ruim assim, já que o próprio Andy já participou de Parks e mostra que se existe alguma coisa para se prestar atenção em Brooklyn Nine Nine é ele. 

A série se destaca por causa do elenco e das possibilidades futuras, não pelo que passou no piloto, que não conseguiu me tirar uma risada que seja,  e olha que eu ainda dou risada de The Big Bang Theory, mesmo depois de seis anos no ar. Ou seja, eu deveria ter dado uma risada ou outra com BNN, mas não foi fácil assim.

Todos já sabemos que será uma comédia forçada, que será exagerada e que irá brincar com situações que deveriam ser sérias. Acho que ainda vai ficar com um sentido meio estranho, pois onde Parks acertou, ao brincar com o governo, talvez Brooklyn não tenha tanta sorte. Fazer comédia com assassinatos como foi o primeiro episódio é um tiro no escuro (perdoe o trocadilho). Mas estou aberto as possibilidades com a série.

Se formos seguir a risca a cartilha das séries com câmera solta e personagens exagerados, BNN tem grandes chances de se manter no ar por um bom tempo. Talvez, a série até descole o selo hipster de série que é "não compreendida" e corre risco de cancelamento todo santo ano. Gente, isso é FOX, cuidado que o efeito Fringe só Fringe teve, não acho que BNN teria a mesma sorte com os mesmos números. 

Mas a série teve bons momentos, teve o pai do Chris, teve a irmã da Gloria, teve o Andy mostrando a barriga. Olha, eu gosto do Andy, gosto do jeito esquisito dele e gosto ainda mais dos outros personagens da série, então eu posso dizer que se existir uma possibilidade de uma comédia ganhar meu coração no futuro, essa série é Brooklyn Nine Nine. 

É bom ficarmos atentos, a série até promete momentos bons. Um policial fortão que tem medo da ação e um capitão gay? Isso é uma receita para ótimos momentos. Então por que eu não ri com esse piloto? Talvez seja a pressão de ser uma série "baseada livremente" em Parks, ou talvez pelo fato de ser uma comédia na Fox, que por si só já é uma pressão, já que a emissora não perdoa ninguém. 

Mantenha o foco em BNN pelos próximos episódios, a série promete. Espero que ela cumpra essa promessa, por que já foram não sei quantos pilotos e essa foi a única série de comédia que eu me propus a assistir mais episódios.


Share:

Disqus for O Mundo das Séries

BTemplates.com

Labels

Blog Archive