Saturday, January 11, 2014

[Reviews] American Horror Story Coven 3.10: The Magical Delights Of Stevie Nicks



Nem a presença da encantadora Stevie Nicks conseguiu empolgar nesta mediana temporada de American Horror Story.


Deve-se reconhecer que Coven possui muitas boas ideias, que infelizmente têm sido mal executadas. Dito isso, só restam três episódios para o fim e finalmente tivemos algo minimamente revigorante nesta temporada. ‘The Magical Delights Of Stevie Nicks’ ainda é um episódio incoerente, ao menos entrega um aparente foco nesta temporada dispersa.

Coven tinha uma proposta de entregar uma narrativa feminista, mas apresenta personagens rasas e egoístas que se dedicam mais fielmente a causas superficiais, como encontrar a chave para a juventude eterna do que a luta para proteger suas semelhantes (e da ultima vez que conferir, isto era exatamente o oposto do que o feminismo representa). Madison apresentou um monologo interessante sobre como sua geração era superficial e fatalista e parecia que personagem iria mudar, contudo neste décimo episódio, ela prova que é a mesma de sempre.  E a maior incoerência de todas:  a aliança de Marie Laveau e Fiona Goode, muito embora ver as duas trabalhando juntas seja gratificante, o modo como a aliança foi estabelecida me pareceu forçado. Aparentemente, neste episódio ninguém se incomodou muito com o desaparecimento de  Queenie ou com a possibilidade de que a policia encontrará uma cabeça decepada viva.

E a pesar de tudo isso, um inimigo se evidencia neste episódio, ao mesmo tempo em que as tensões no Coven crescem na medida em que as garotas demonstram rivalidade em relação a quem se tornará a nova suprema.  Estes foram aspectos interessante de ser ver, talvez a temporada fosse mais envolvente se investisse nestes aspectos por mais tempo. Ainda vejo os caçadores de bruxas como uma ideia inocente, contudo funcionou aqui.
Laveau e Fiona possuem uma dinâmica interessante, tudo bem que o modo como as duas formaram a aliança parece forçado, mas torço que ela se perpetue nesta reta final da temporada. Será interessante vê-las lutando contra um inimigo em comum ou mesmo usando isso em prol do clã, e se por um lado a morte da indisciplinada Nan seja bem vinda, ver as duas  limitando a si mesmas pode ser fatal.

De todo modo, o clã está definitivamente perdido. Exceto por Cordelia Foxx, que definitivamente é a mais incompetente das personagens (provavelmente irá morrer fazendo algum heroico sacrifício), todas as personagens poderiam muito bem trabalhar juntas se entendessem a urgência da situação em que se encontram.


Há muita coisa acontecendo e muitos conflitos em andamento, embora a temporada passe sem grande destaque, este décimo episódio foi surpreendentemente envolvente, mas é uma diversão mais leve, nada que seja realmente empolgante algo que é conseqüência de uma temporada minada de conclusões fácies e que, portanto apagam um pouco o brilho de toda a narrativa.
Share:

Disqus for O Mundo das Séries

BTemplates.com

Labels

Blog Archive