Tuesday, July 9, 2013

[Reviews] Dexter- 8.02: Every Silver Lining

A origem da origem!


A cada episódio que passa o fim da série se aproxima ainda mais, e isso não é novidade para ninguém, o fato é que quando pensamos que não iria aparecer mais uma grande novidade na série vêm esses dois episódios mostrando que o negócio vai ser mais agitado que parece. E além da novidade da Evelyn, essa temporada irá ser bastante focada em Deb, principalmente pelas mudanças sofridas pela personagem com os acontecimentos da temporada passada.

Antes de entrar no assunto Debra começo logo falando da revelação de quem realmente é Evely Vogel, e como ela sabia do código de Harry. Tinha algumas suspeitas que ela pudesse ter conhecido o pai de Dexter, e ele ter desabafado com a mesma sobre as atitudes estranhas que seu filho tinha, e isso foi mesmo uma verdade, mas a revelação que ela ajudou Harry a lapidar Dexter e o fazer do jeito que é hoje foi até um pouco surpresa, pelo menos para mim.


O fato é que Evelyn pode ser tornar uma espécie de mãe para Dexter, e além de Hannah, ela pode ser a pessoa com quem ele possa contar tudo que está acontecendo na sua vida, tudo que sente tudo que o atormenta. E melhor conselheira que Hannah com certeza ela irá ser, pois Hannan era um Serial Killer como Dexter, e acabava o influenciando muito mais em tomar atitudes meio tortas em sua vida, diferente de Evelyn que sabe do comportamento deles mais que qualquer pessoa que Dexter possa vir a conhecer, e pode até a chegar a controlar os instintos de Dexter. Mas acho que nada irá ser as mil maravilhas, e não sei se ela pode o influenciar para o mau, ou pode até se tornar uma inimiga dele, mas isso só saberemos mesmo ao longo da temporada.

Em relação ao Serial Killer que apareceu em Miami, o fato de deixar suas impressões digitais na fita que usou na boca da vítima já foi um motivo para se desconfiar que quem estava matando as pessoas não era exatamente o verdadeiro culpado da história, e que era possível haver outra pessoa por trás disso tudo. Nesse ponto Evelyn foi em cheio em suas suspeitas, e provavelmente sua cabeça está em jogo também.

Entrando em um dos focos principais dessa temporada, nossa querida Debra. Deb com certeza iria sofrer uma instabilidade emocional muito grande depois que ela assassinou LaGuerta para salvar seu irmão, e a saída do polícia foi uma das maiores provas disso, pois a carreira era uma das coisas que mais Deb se orgulhava. El Sapo poderia até atormentar a vida dela por mais um tempo, esperei que essa perseguição fosse durar mais um pouco, só que o desfecho da história foi bem interessante. O fato foi que a instabilidade emocional dela a fez matar outra pessoa, algo que foi até uma surpresa para o próprio Dexter.

Dexter está muito atormentando com as atitudes dela, e à medida que o tempo passa ele se sente ainda mais culpado por ser o motivo da ruína de sua irmã, além do mais, ela deixou bem claro que ainda o ama e não consegue mudar isso, e esses sentimentos fazem a situação entre os dois piorar ainda mais. Falando em amor, pensei que Quinn já tinha esquecido Deb, mas pelo jeito ainda não.

Provavelmente muita coisa ainda irá acontecer, muitas revelações ainda irão ser feitas nessa última temporada, e os desfechos até agora tomados pela série estão bem interessantes e bem intrigantes também. Algumas coisas do passado podem tá voltar, como um possível flashback entre Debre e Quinn, gostaria muito que isso acontecesse, pois ele foi um de seus namorados que mais a completaram. Em relação a Dexter, seu futuro continua totalmente incerto, e Evelyn pode se tornar uma aliada ou mais uma pedra em seu sapado.


Share:

Disqus for O Mundo das Séries

BTemplates.com

Labels

Blog Archive