Sunday, May 5, 2013

[Reviews] The Vampire Diaries - 4.21: She's Come Undone


Quem diria que matar Matt garoto maravilha era tudo que precisava para Elena voltar a ser boring Elena?

Estamos lidando com uma situação única em TVD: O bocejo. Não teve nenhum episódio nessa temporada em que não tive que dar uma bocejada, mostrando assim, que o problema não é comigo. TVD está uma bosta e ninguém está fazendo nada para mudar. Estava achando uma delícia que episódio que vem já é a Season Finale, mas a CW não é boba e decide aumentar para 23 a quantidade de episódios na temporada mais sem sal do universo.

Porém, o episódio teve alguns pontos positivos, principalmente quando ele acaba. O plot “vamos fazer Elena ter humanidade mais uma vez” nunca fica velho para Damon e Stefan, e é ridícula a quantidade de tempo que eles gastam tentando fazer algo acontecer sendo que eles não têm as bolas para realmente fazer aquilo acontecer.

Até Elena sabe disso, sem contar que ela teve alucinações no começo do episódio e ficou putíssima por perceber que não foi por causa LSD ou ecstasy. Só por não conseguir aproveitar direito as coisas boas da vida por causa da prisão já faz com que Elena fique muito puta. O mais legal, porém, é que Caroline ainda achava que conseguiria salvar a amiga, só para receber uma quase dentada de boas vindas.

Nenhum deles conseguiria salvá-la e de acordo com Stefan, Katherine é a única que pode ajudá-la, isso, é claro, considerando que Katherine sempre ajudou todo mundo em todos os momentos da série. É muita burrice acharem que vampbitch aceitaria esse trabalho sem ter nenhuma segunda intenção, afinal não seria Petrova se não fosse uma vadia.

E no meio disso tudo, eis que vem Matt todo trabalhado na recuperação, deixando claro que por causa de todas as badalas sobrenaturais ele não conseguiu acompanhar a escola. Matt e Barbie Klaus são duas pessoas que deviam ficar juntos no final, mas agora sabemos que isso é impossível, já que Claire Holt irá para The Originals na próxima temporada (dedos cruzados para que a série seja cancelada na primeira temporada!), mas sempre é bom vê-la tentando arrumar uma fornicação com Matt, mesmo ele não querendo. Aquele papo de ajudar a falar italiano e estudar para outras matérias são codinomes de outra coisa e até Matt deveria saber disso.

Parecia que a tortura de Elena iria continuar por mais alguns episódios, mas claramente eles queriam acabar logo com isso devido ao fato de ninguém ter elogiado essa ideia. Matar o Matt para tentar chegar às emoções de Elena? Não é tão chocante assim, afinal Damon já deixou claro diversas vezes que não aguentava o wonder boy. Agora, se Elena tivesse sugado Matt todinho, aí sim seria um plot twist, já que ela tem muitas opções além de um mero ex-namorado. Porém, ela já provou que está à procura de um humano com sangue quente, então Elena ficou triste por perder Matt, já que ele é aquele que ela precisa para se alimentar. Matt é seu corpo de sangue pessoal e ela ficou felicíssima por perceber que ainda poderá se aproveitar mais ainda do loiro.

No meio de todo esse badalo, algo ainda estava acontecendo com Bonnie Boca Torta, Katherine, Caroline e Silas. Na verdade, ver Silas se passando por outra pessoa todo episódio fica velho muito rápido. Claro que por trás disso, Julie Plec quer deixar claro esse sentimento frenético de não saber o que é real e o que não é, mas usaram a mãe de Caroline para criarem o suspense da semana e, convenhamos, mais uma vez que nenhuma das mães de Mystic Falls é importante para a trama, então não seria surpresa se a Xerife tivesse passado dessa para melhor.

Sabemos que Elena quer matar Katharine porque ela quer roubar o estilista da irmã gêmea, apenas. Não consigo entender porque trouxeram esse plot logo na reta final da temporada, afinal há outros plots fenomenais que ainda precisam ser trabalhados, como por exemplo, quando Silas irá se mudar de vez para Beauty and the Beast e plot de Bonnie descobrindo as belezas de uma permanente.

Share:

Disqus for O Mundo das Séries

BTemplates.com

Labels

Blog Archive