Thursday, August 8, 2013

[Reviews] Dexter – 8.06: A Little Reflection

Um substituto, sério?

Para todos os amantes de Dexter, já passou alguma vez pela cabeça de vocês que Dexter poderia ser substituído? Pois é, pelo menos na minha não, e é isso que está parecendo que estão tentando colocar na série. Pode ser para mostrar que não daria certo, que o código só quem conseguiu obedecer foi Dexter, e que aplicá-lo a outra pessoa, outro psicopata, seria um erro.

Vogel já vinha tratando Zach, ou melhor, tendo algumas seções com ele a pedido de seu pai, e por consequência, já montando o território para que Zach possa vir a ser um novo Dexter, e também comprovar que o código criado por ela e por Harry realmente funcionava. Desculpem a palavra, mas isso vai dar merda, principalmente pelo fato de Dexter não ter gostado nada disso e já o levando para sua querida mesa.
 
Para a sua sorte, Zac consegue escapar aos 45 minutos do segundo tempo, colocando sua mãe na jogada, e mostrando que matava as amantes de seu pai, pois ele estava matando sua mãe, e a gota d’água foi ele tentando matar seu pai para que sua mãe pudesse viver um pouco em paz. Mas será que ele tem sentimentos pela mãe já que psicopatas não sabem o que é ter isso? Isso não dá para saber agora, pois pode ser o mesmo caso de Dexter, os mesmos sentimentos que ele sente por Debra, alguma coisa do tipo.

Falando em Debra, ela se acalmou isso é fato, mesmo depois de ver seu irmão matando uma pessoa em sua frente, e até mesmo quis relembrar o passado, comendo carne e tomando cerveja com seu brother. Mas agora o problema é com seu chefe, já era bem visível que toda a atenção que Elway tinha com ela era algo a mais que amizade, e nesse episódio até a ficha de Deb caiu com a cena que ele fez no bar, agora a situação é como vai ser a relação dos dois a partir de agora, mas não acharia ruim não se os dois começassem a namorar, pelo menos na última temporada Deb tinha que ter o direito de ser feliz na sua vida amorosa, que sempre foi um desastre.

Outros fatos que aconteceram foi Dexter levando um “fora” de sua vizinha, que a propósito eu amei, pois acho que ela não combina nada com ele, e também Quinn perdendo seu cargo de Sargento. Certo que Quinn se esforçou e tal para se sair bem na prova, mas acho que o que pesou na decisão de Batista foi o fator responsabilidade, que ele poderia deixar mais uma vez de lado ao longo de sua carreira de sargento.
No final do episódio Dexter fez uma bela reflexão, que até quando ele vai conseguir esconder de seu filho quem ele é na verdade? Como será sua reação ao descobrir que seu pai é um Serial Killer? Mas será que Dexter vai conseguir sobreviver esse tempo todo até o ponto de seu filho ter a consciência de saber que seu pai era isso?


E para terminar!!! BAM!!! Quem aparece? A antipática da Hannah!!!! Desculpem a todos que gostam dessa mulher, mas eu nunca a suportei, e depois que ela tentou matar Deb, aí as possíveis possibilidades de eu chegar a gostar dela foram por água abaixo. E ela ainda chega em grande estilo já aplicando o velho golpe do veneno em Dexter e Deb. Agora até o final da série, por enquanto fica duas questões para serem resolvidas, se o treinamento de Zach vai dar certo, espero que não, e como lhe dá com a volta de Hannah, provavelmente tentando recuperar a confiança e tentando se aproximar de Dexter novamente.
Share:

Disqus for O Mundo das Séries

BTemplates.com

Labels

Blog Archive